22 de dez de 2011

Litha....saudemos o poder do SOL!!

Heya Rei Sol
Senhor da prosperidade
Que com força e poder
Faz a união em êxtase
com sua Amada!

Que o calor do Verão
traga a promessa da fertilização
do ventre da Deusa
À Ela, que reina como a Rainha do Verão
Rendo todas as homenagens

Dou graças ao casal sagrado
que no ápice de seu amor
Nos presenteia com
Campos floridos
Com a vida nas matas
Com a natureza em festa....

Hoje canto, festejo
e me preparo para a dança
Que os raios do Senhor da Luz nos iluminem sempre
E quando for a hora do declínio...
O momento do último beijo e da partida...
Que estejamos preparados para nos movermos
uno com o Universo cíclico!
by GRAINNE

19 de dez de 2011

Decisões .... Decisões ....A JUSTIÇA

A Justiça - Shadowscapes Tarot

Chega um momento em que precisamos tomar uma decisão que vai alterar significativamente nossas vidas.

Precisamos de objetividade, praticidade, lógica e sabedoria para nos ajudar a tomar o caminho certo. Tão simples quanto possa parecer, nunca é. Considerar o impacto da decisão não apenas a longo prazo, mas essencialmente para o nosso bem-estar no presente é importante.

Como esta decisão nos afeta, e os outros em nossas vidas? Vale a pena lutar (ser ativa e tentar) ou deixar como está (passivamente)? O que é bom nesta decisão se todo o resto tem de ser sacrificado ao longo do caminho? O que estamos dispostos a desistir?

Não queremos que as coisas sejam simples e claras... preto ou branco... e por que não cinza?

A decisão em si é simples de tomar: sim ou não. As consequências são claras de se enxergar. Mas conviver com estas consequências é a parte mais difícil. É por isso que será sempre difícil tomar decisões.

Agora entra o ponto que queria me referir mais claramente a carta da Justiça ou como alguns estudiosos a nomearam - O AJUSTAMENTO: Temos capacidade de julgamento? Seremos capazes de adaptar-nos às necessidades?
Como é que vamos decidir? O que vamos ganhar com isso? O objetivo final vale todas as consequências? É preciso avaliação...
Será que essas consequências nos ajudarão na jornada da vida e nos tornarão pessoas melhores? Às vezes, continuamos a ser teimosos e fazemos mal a nós mesmos e aos outros com as decisões que tomamos.

Penso que pode haver três maneiras de olhar para a tomada de uma decisão. Uma delas é focar-se no objetivo final. A outra é a experiência desta caminhada ao objetivo. Por último e, creio ser o mais acertado: se a jornada e o objetivo final são de igual importância.

Se deixarmos as nossas emoções de lado, usando apenas de lógica, então, decidir é sempre bastante simples. Mas, somos humanos! Nossas experiências e emoções nos molda ou nos mutila!

O que nós esperamos é que tenhamos tomado a melhor decisão no momento em que fazemos isso!

Grainne


15 de dez de 2011

Inspiração da Lua Vermelha...Caldeirão da Transformação

Desde pequena eu sempre achei muito interessante qdo via um desenho, foto ou qualquer coisa relacionada a um caldeirão, tinha curiosidade, medo, não sei bem dizer...
Um caldeirão invoca um sentimento mágico que a maioria das pessoas não consegue explicar, uma vez que a maioria das imagens de caldeirões contém algum tipo de bebida mágica dentro e muitas vezes têm uma bruxa mexendo a poção.

Os caldeirões nos remetem a nossa história mais profunda, uma vez que associo como o centro de todo o poder feminino.
O caldeirão simboliza muitas muitas coisas, incluindo o calendário lunar, o ventre da Deusa mãe e o grande círculo da morte, vida e renascimento.

A transformação espiritual verdadeira, o renascimento....a iniciação só poderá se dar se estivermos imersos no caldeirão, que é o ventre, o útero sagrado materno.

Por outro lado, qdo saimos do caldeirão, somos transformados, cheios de criatividade e uma força interior imensamente grande.

Picamos, derretemos, cozemos o velho que evapora e assim, o essencial emerge, o verdadeiro néctar apurado fica....cheio de poder mágico, espiritual.

Bem, estou sentindo essa força interior e o tempo de novidades agora! Hora de mudar, iniciar outro estágio....me pergunto se talvez seja um chamado ancestral para resgatar a essência que ficou um pouco mais atrás no início de minha jornada nesta vida...quanto me foi dado um nome sagrado, em minhas buscas tive muitos encontros com Ceridwen e Brighid, caldeirão e fogo....
Brighid senhora da arte da ourivesaria...da forja que nos molda...Ceridwen que regenera e inspira com seus conhecimentos....

Há tanta coisa para criar e meu caldeirão está borbulhando!

E você? O que está fervendo em seu caldeirão?